sexta-feira, 10 de outubro de 2014

Cirurgia de Glaucoma


Operei o único olho (esquerdo) com visão, de uma paciente de 89 anos, com Glaucoma. Apesar da medicação máxima que fazia (vários colírios anti-hipertensores oculares), as tensões intraoculares mantinham-se elevadíssimas (36 mmHg). A paciente recusava-se a ser operada, até ao dia em que perdeu a visão do olho esquerdo por crise hipertensiva ocular. Após a cirurgia, as tensões intraoculares voltaram para valores normais (13 mmHg) e a visão do referido olho foi restabelecida. Desta forma, a paciente deixou de precisar de medicação para o olho esquerdo e voltou a ter uma vida normal, pois agora já vê do seu único olho. (ver GLAUCOMA)
São pequenas vitórias como esta que continuam a manter-me apaixonado pela minha profissão...

 

Sem comentários:

Enviar um comentário